Tomada inovadora promete reduzir consumo de energia elétrica em 40%

Tomada inovadora promete reduzir consumo de energia elétrica em 40%

Aparelho Eeconomax deve ser utilizado em eletrodomésticos resistivos Não é de hoje que andamos preocupados com o consumo de energia em excesso em nossas casas e condomínios. Com o verão batendo na

Leia tudo

Aparelho Eeconomax deve ser utilizado em eletrodomésticos resistivos

Não é de hoje que andamos preocupados com o consumo de energia em excesso em nossas casas e condomínios. Com o verão batendo na porta, essa questão se torna ainda mais importante para os cariocas que precisam enfrentar o calor típico da estação recorrendo com frequência ao ar-condicionado. Mas e se pudéssemos reduzir o consumo de energia dos aparelhos que mais utilizamos no dia a dia? Foi pensando no impacto dessa economia diária no bolso do consumidor que a empresa Grandideia criou o Eeconomax, uma tomada capaz de reduzir o consumo de energia elétrica em até 40%.

Conheça a “tomada corta-conta”

O Eeconomax ou tomada “corta-conta”, como a própria empresa gosta de chamar, pode reduzir em 40% do consumo de energia quando utilizado em aparelhos resistivos – os que precisam de resistores para aquecer, transformando energia elétrica em térmica. O aparelho usa os princípios da termodinâmica e mantém o desempenho do eletrodoméstico dentro de condições satisfatórias de uso sem utilizar o máximo de energia. Sua composição conta com um circuito eletrônico que permite controlar a energia entre 110 e 220 volts.

Como usar?

Basta conectar o Eeconomax na tomada e em seguida ligar os eletrodomésticos nele. De acordo com a empresa, é recomendado o uso nos seguintes eletrodomésticos:

Cafeteira
Chapinha para cabelo
Ferro de passar roupa
Grill
Fritadeira elétrica
Forno elétrico
Panelas elétricas
Sanduicheira
Torradeira
Vaporizador portátil
Quem usou, aprovou
Conversamos com alguns consumidores para saber um pouco mais sobre o funcionamento e eficiência do produto. Para o cartunista e escritor Ruben Pirola, que utiliza o Eeconomax há quatro meses, o aparelho foi uma surpresa positiva.

“Uma das maiores sacadas que já vi foi esse aparelho, simples e barato que me prova o que uma ideia genial pode fazer em prol do ambiente. Uso o meu há algum tempo e me surpreendo em como posso economizar energia sem perder nada dos meus aparelhos mais comuns. Vou comprar mais desses. É imprescindível ter-se em casa!” – conta Ruben, que disse ter notado uma redução de 20% no consumo de energia total da casa que divide com sua esposa em São Paulo.

O caso de Jonnatan Oliveira foi um pouco diferente. Antes de começar a usar o produto, consultou amigos e especialistas para saber se a economia era realmente viável e só mais tarde iniciou o uso.

“Ao observar o produto, verifiquei que na embalagem não havia o selo do Inmetro, mas de um laboratório. Busquei informação sobre o laboratório, e verifiquei que esse laboratório é acreditado pelo Inmetro, assim fiquei mais tranquilo. Até o momento, o produto está funcionando normalmente e atendendo ao principal propósito de economia sem alterar a eficácia dos equipamentos” – explica Jonnatan, que lida diariamente com o consumo de energia numa casa, em Duque de Caxias, com outros três moradores.

Incentivo à redução do consumo de energia
De acordo com pesquisa feita pela Grandideia, se 0,5% da população brasileira usar o Eeconomax durante uma hora por dia, economizará 146.000 MW por ano, o equivalente a R$ 73 milhões. O Eeconomax disponível para compra em lojas físicas e virtuais, como a do Wallmart, e o preço é R$ 59,90.