TJ do Rio mantém direitos políticos de Rosinha suspensos por 5 anos

TJ do Rio mantém direitos políticos de Rosinha suspensos por 5 anos

RIO - O Ministério Público do Rio obteve, na terça-feira, 28, decisão que manteve a suspensão por cinco anos dos direitos políticos da ex-governadora Rosinha Garotinho

Leia tudo

RIO - O Ministério Público do Rio obteve, na terça-feira, 28, decisão que manteve a suspensão por cinco anos dos direitos políticos da ex-governadora Rosinha Garotinho (PR) por improbidade administrativa. A decisão da 15ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio negou o recurso de embargos de declaração propostos pela ré e pelo corréu Ricardo Bruno, que foi seu secretário de Comunicação.

A Ação Civil Pública (ACP) que deu origem a esse processo começou em 2008 e se refere a programas assistencialistas que o governo Rosinha implementou durante o segundo turno das eleições municipais de 2004. À época, ela privilegiou ações em Campos dos Goytacazes, reduto eleitoral seu e de seu marido, o ex-governador Anthony Garotinho (PR), a quem Rosinha sucedeu no Palácio Guanabara a partir de 2003.

Posts Relacionados