Recém-nascida sobrevive após ser enterrada viva em Mato Grosso

Recém-nascida sobrevive após ser enterrada viva em Mato Grosso

Uma história que aconteceu na cidade de Canarana, no Mato-Grosso, na última terça-feira (5), ainda choca diversos habitantes da região. Logo após o parto, uma indígena recém-nascida teria sido

Leia tudo

Uma história que aconteceu na cidade de Canarana, no Mato-Grosso, na última terça-feira (5), ainda choca diversos habitantes da região. Logo após o parto, uma indígena recém-nascida teria sido enterrada viva por sua avó, segundo informações preliminares. Logo em seguida, entretanto, foi salva por policiais e encaminhada para um hospital da região. Segundo informações divulgadas pelo portal G1, a família da bebê informou que achasse que a criança estivesse morta.

Após receber denúncia anônima, a Polícia Militar, com apoio da Polícia Civil, compareceu no endereço da casa onde residia uma família indígena, em que a avó teria enterrado a neta.

A mãe da menina tem 15 anos e deu à luz no banheiro de uma casa da família de indígenas.

Investigações

Ao chegar no pronto socorro, os médicos descobriram que a recém-nascido teve um afundamento no crânio. O bebê passou por um exame de raio-X que apontou duas fraturas na cabeça.

Para dar procedimento às investigações, a mãe e a avó da criança foram levadas para a delegacia, onde prestaram depoimento à Polícia Civil. Até o momento dessa reportagem, a polícia ainda não teria conseguido comprovar quem enterrou a criança.