O Outro Lado do Paraíso: Expulso do armário, Samuel ganha aliada para manter farsa

O Outro Lado do Paraíso: Expulso do armário, Samuel ganha aliada para manter farsa

O Outro Lado do Paraíso: Expulso do armário, Samuel ganha aliada para manter farsaSamuel (Eriberto Leão) montará esquema para mulher não descobrir que ele é homossexualMÁRCIA PEREIRA -

Leia tudo

O Outro Lado do Paraíso: Expulso do armário, Samuel ganha aliada para manter farsa


Samuel Eriberto Leo montar esquema para mulher no descobrir que ele  homossexual - ReproduoTV Globo

Samuel (Eriberto Leão) montará esquema para mulher não descobrir que ele é homossexual

MÁRCIA PEREIRA - Publicado em 11/12/2017, às 05h09

Flagrado de calcinha e batom pela mãe, Samuel (Eriberto Leão) planejará manter seu casamento com Suzy (Ellen Rocche). Para que a enfermeira não descubra que ele é gay, o médico contará com uma aliada em O Outro Lado do Paraíso. Adnéia (Ana Lucia Torre) vai virar um "cão de guarda" para impedir que Clara (Bianca Bin) acabe com a farsa do psiquiatra.

"Mãe, vamos manter isso em segredo", pedirá Samuel. Na hora em que for desmascarado pela genitora, além dos adereços femininos, ele estará trancado com o amante, Cido (Rafael Zulu), em seu flat. "Prefere assim? Podemos mudar de cidade", vai sugerir a dona de casa.

O psiquiatra dirá que não vai abrir mão de sua carreira e que quer mesmo ter um filho com Suzy. "Eu não vou abrir a boca. Mas e as outras pessoas que viram? A Clara?", indagará Adnéia. "Se falarem, será só fofoca. A Suzy não pode saber. Ela não iria suportar", responderá o personagem de Eriberto Leão.

Antes dessa sequência ir ao ar na primeira semana de janeiro, o público verá que Adnéia sofreu um baque ao constatar que o filho é homossexual. Ela chegará a desmaiar, mas acabará se entendendo com o filho. Revelará até que sempre desconfiou que ele fosse gay.

Esquema para farsa continuar
"Vou ser como um cão de guarda e impedir a Clara de se aproximar da Suzy", vai declarar a personagem de Ana Lucia Torre. Samuel já terá ido atrás de Clara, mas não conseguirá fazer a mocinha mudar de ideia em relação à sua vingança.

Sem saber de nada, Suzy seguirá trabalhando e pressionando seu "tigrão" para eles terem um filho. Adnéia começará a estranhar porque Clara está tão disposta a mostrar para todos que Samuel é gay, mas ele não contará que participou do plano de Sophia (Marieta Severo) para trancar a ex-nora em um hospício. "Já disse, não tenho a menor ideia", alegará o psiquiatra.

"Eu me escondi a vida toda para preservar você. Tudo o que fiz, todos os erros que cometi foi por você. Agora não adianta fingir que não me viu naquela situação. Preciso preservar minha reputação. Não quero que ninguém mais saiba. A Clara vai tentar fazer a Suzy descobrir a verdade", avisará Samuel.

Juntos, mãe e filho bolarão um esquema para manter Clara longe da enfermeira. "Tomo conta da Suzy. Aqui a Clara não entra mais. No hospital, cê toma conta", dirá Adnéia. "Eu encho a Suzy de plantões. Principalmente noturnos, assim de dia, ela fica dormindo", falará Samuel.