Fla diz que Everton pediu para não viajar; saída para o São Paulo é iminente

Fla diz que Everton pediu para não viajar; saída para o São Paulo é iminente

Camisa 22 treinou com o grupo nesta sexta-feira. No entanto, não viaja para enfrentar o Vitória. Expectativa é de um desfecho do negócio até segunda-feira

Leia tudo

m conversas adiantadas com o São Paulo, Everton não viajará com o Flamengo para a estreia da equipe no Brasileirão. Apesar de ter treinado com o grupo nesta sexta-feira no Ninho do Urubu, o atacante não embarca com o grupo para Salvador. Neste sábado, o Rubro-Negro visita o Vitória no Barradão.

Em posicionamento sobre a situação, o clube disse que a decisão de não viajar para o jogo foi do jogador. O Flamengo também reforçou que apresentou proposta de aumento e renovação ao atleta recentemente.

''Diante do iminente interesse do São Paulo em pagar a multa contratual pelos direitos do atleta Everton Cardoso, o mesmo alegou que não tinha condições de jogar e pediu para não viajar para o jogo contra o Vitória, em Salvador.

O Flamengo renovou o contrato do atleta no ano passado, e recentemente apresentou uma nova proposta de extensão do vínculo com o clube, inclusive com aumento salarial'' - informou o Flamengo.

Confiante no negócio, o São Paulo acredita que pode resolver o acordo até segunda-feira. Nos bastidores, o Tricolor cita uma troca de documentos por um contrato de três anos. O envolvimento de um jogador na transação não está descartado.

O Tricolor está disposto a desembolsar cerca de R$ 15 milhões pelo jogador, embora haja internamente quem considere o montante alto – o que é visto como um empecilho. Por outro lado, há maneiras de viabilizar financeiramente a contratação.

Dos R$ 15 milhões, 50% seriam para o Flamengo e os outros 50% para o representante do atleta, Carlos Leite. Quanto ao investimento destinado ao empresário, há possibilidade de parcelamento em três anos.