Falsas promoções durante 'black friday' podem gerar multa de até R$ 11 milhões; ENTENDA

Falsas promoções durante 'black friday' podem gerar multa de até R$ 11 milhões; ENTENDA

No ano passado, dos 23 sites de lojas online, as equipes do Procon Fortaleza identificaram 10 irregularidades... CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia tudo

O Procon Fortaleza alerta que falsas promoções durante o período da
"black friday" podem gerar multas de até R$ 11 milhões. No ano passado,
dos 23 sites de lojas online, as equipes do Procon identificaram 10
irregularidades, principalmente com publicidade enganosa.


Neste ano, o órgão vai disponibilizar para os consumidores da capital
um plantão especial para atendimento durante a black friday, período em
que há promessas de redução de preços por parte das empresas. Os
consumidores poderão realizar denúncias de supostas fraudes pela central
do Procon, pelo telefone 151, ou direto na sede do órgão, que funciona
em horário comercial na Rua Major Facundo, 869, no Centro.


O Procon ressalta que denúncias já podem ser feitas a qualquer momento
pelo portal da Prefeitura de Fortaleza (www.fortaleza.ce.gov.br), no
campo defesa do consumidor. É possível ainda realizar denúncias pelo
aplicativo Procon Fortaleza.


A diretora do Procon Fortaleza, Cláudia Santos, orienta que o
consumidor guarde anúncios e realize "prints" da publicidade realizada
antes e durante a black friday. "É muito importante que o consumidor
faça sua pesquisa de preços em sites de busca e redes sociais,
observando sempre se o site possui endereço físico, telefone para
contato e canais on-line para desistência e devolução do produto",
comentou.


Em caso de lojas físicas, o Procon afirma também que, caso o consumidor
se depare com falsa oferta, ou seja, o preço praticado pelo lojista
seja maior que antes do período da black briday, o Código de Defesa do
Consumidor garante o cumprimento forçado da oferta de menor valor ou a
restituição em dobro se já tiver ocorrido o pagamento.


Fonte: G1


Posts Relacionados