DIRETOR EXPLICA DESTINO DE R$ 5 MILHÕES RECEBIDOS COMO INCENTIVO PELO CORINTHIANS

DIRETOR EXPLICA DESTINO DE R$ 5 MILHÕES RECEBIDOS COMO INCENTIVO PELO CORINTHIANS

O Corinthians tem como missão se tornar cada vez menos dependente do futebol. E para isso se apoia em projetos incentivados. Foi assim, por exemplo, que o clube inaugurou o Ginásio Bernardão, no

Leia tudo

O Corinthians tem como missão se tornar cada vez menos dependente do futebol. E para isso se apoia em projetos incentivados. Foi assim, por exemplo, que o clube inaugurou o Ginásio Bernardão, no Parque São Jorge, para as categorias amadoras de vôlei.


Em entrevista concedida ao Meu Timão, o diretor administrativo do Corinthians, Eduardo Caggiano, falou sobre o destino de cerca de R$ 5 milhões recebidos pelo clube em forma de incentivo nos últimos 18 meses. O foco é investimento em modalidades olímpicas.

"Recebemos em um ano e meio R$ 5 milhões. R$ 1,4 milhão é para equipamentos. R$ 2,3 milhões para folha de pagamento. Temos nesse momento técnicos, fisioterapeutas que não custam nada para o clube. E mais R$ 1,2 milhão para competições e recebermos melhor os atletas aqui", explicou Caggiano.

"Já chegaram (equipamentos). Agora vamos começar a aprimorar. Temos equipamentos para modernizar a academia, o tênis, o boxe, o vôlei, o basquete... Todas as modalidades olímpicas. (Serão beneficiados) Atletas que utilizam o Corinthians e associados em seus devidos horários. Todas as modalidades de alto rendimento do Corinthians intercalam com os associados", esclareceu.

Conforme explicado pelo diretor, há duas formas de incentivo com as quais o Corinthians trabalha atualmente:

"Em um deles, protocolamos projetos para apreciação do Ministério do Esporte e da Secretaria Estadual de Esporte. Se eles são aprovados, você vai atrás de empresas para doarem seu imposto de renda. O outro sistema é esse que temos aqui, um convênio com o Comitê Brasileiro de Clubes, que recebe recursos da Loteria que o Governo passa para eles", comentou.

Foi esse último método o responsável pela reforma do Ginásio Bernardão, inaugurado nesse sábado sábado. Foram gastos R$ 230 mil nas obras. O clube recebeu R$ 300 mil, inicialmente, do Governo. Os R$ 70 mil que sobraram foram devolvidos.

"É a seriedade do Corinthians e do Governo nesta forma de incentivo...", resumiu.