destruição na Chapada dos Veadeiros.

destruição na Chapada dos Veadeiros.

Entre janeiro e outubro deste ano, mais de 1 milhão de hectares já foram queimados em unidades de conservação federais, o que equivale a sete vezes a área da cidade de São Paulo. O número supera o do

Leia tudo

Entre janeiro e outubro deste ano, mais de 1 milhão de hectares já foram queimados em unidades de conservação federais, o que equivale a sete vezes a área da cidade de São Paulo. O número supera o do mesmo período de 2016, em parte devido à destruição na Chapada dos Veadeiros.



A área de unidades de conservação federais atingida por incêndios no país já supera a do mesmo período do ano passado, segundo dados do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), órgão responsável pelas unidades. Entre janeiro e outubro deste ano, 1.092.177,03 hectares já foram destruídos por queimadas – o que equivale a sete vezes a área da cidade de São Paulo. No mesmo período do ano passado, foram 1.088.189,92 hectares, quase 4 mil hectares a menos.

Apenas no mês de outubro, um balanço preliminar do instituto aponta que pelo menos 185,6 mil hectares foram atingidos pelo fogo em unidades federais de todo o país, quase o dobro do registrado em outubro do ano passado (97,9 mil hectares). Como o mês ainda não acabou, a diferença deve aumentar.

Parte considerável da destruição do mês está no Parque Nacional da Chapada do Veadeiros, que passa pelo maior incêndio da sua história. A queimada já atingiu mais de 65 mil hectares. Segundo o ICMBio, o fogo já foi controlado na maior parte da reserva, mas cerca de 400 pessoas, entre voluntários e brigadistas, seguem trabalhando 24 horas por dia para evitar que novos focos sur



Além disso, o instituto registra fogo em outras 16 unidades de conservação, como o Parque Nacional da Serra das Capivara, o Parque Nacional da Serra da Canastra e o Parque Nacional do Araguaia. Nenhum, porém, é tão devastador quando o que atinge a Chapada.

O mês de setembro também foi considerado incomum pelos especialistas, com uma área atingida por incêncios 83% maior que a do mesmo mês do ano passado.
 destruição na Chapada dos Veadeiros.

Posts Relacionados