Como plantar camomila

Como plantar camomila

Camomila é um nome dado a diversas plantas que possuem flores parecidas com pequenas margaridas. As duas espécies de camomila mais cultivadas são a camomila-alemã (Matricaria chamomilla, também

Leia tudo

Camomila é um nome dado a diversas plantas que possuem flores parecidas com pequenas margaridas. As duas espécies de camomila mais cultivadas são a camomila-alemã (Matricaria chamomilla, também denominada Matricaria recutita) e a camomila-romana (Chamaemelum nobile ou Anthemis nobilis). Ambas são chamadas de verdadeira camomila e falsa camomila, variando qual é conhecida como verdadeira e qual é conhecida como a falsa de acordo com a região. As flores (na realidade são capítulos florais, que contêm muitas pequenas flores) de ambas as espécies são usadas para diversos fins medicinais e para fazer chá. As flores ou seus óleos essenciais são usados na preparação de algumas bebidas alcóolicas (licores, vinhos e cervejas), doces (balas, gomas de mascar, sorvetes, etc.) e em vários produtos de higiene e beleza (shampoos, sabonetes, pastas de dente, etc.). Ambas também são cultivadas como plantas ornamentais em jardins.

Diferenças entre a camomila-alemã e a camomila-romana
A camomila-alemã pode chegar a atingir 1 m de altura, sendo mais ereta que a camomila-romana, que apresenta um hábito mais rastejante, atingindo cerca de 25 cm de altura. Os folíolos (segmentos das folhas) da camomila-romana são mais achatados e mais espessos que os da camomila-alemã, e suas inflorescências são solitárias e terminais, ao passo que as inflorescências da camomila alemã surgem em cachos (corimbos). Além disso, o receptáculo da inflorescência da camomila-alemã é geralmente oco enquanto o receptáculo da inflorescência da camomila-romana é sólido.

Clima
A camomila cresce melhor em clima ameno, com temperaturas entre 7°C e 26°C. Embora possa ser cultivada em temperaturas mais altas, a planta tende a florescer precocemente nestas condições, especialmente se houver baixa umidade.

Luminosidade
O ideal é cultivar com luz solar direta, mas também tolera sombra parcial, desde que haja uma boa luminosidade.

Solo
Cultive preferencialmente em solo bem drenado, leve, fértil, rico em matéria orgânica, com pH entre 6 e 6,8. No entanto, esta planta pode crescer bem em diversos tipos de solo, incluindo solos pouco férteis, desde que não sejam muito ácidos.

Irrigação
Irrigue de forma a manter o solo úmido, mas sem que permaneça encharcado.

Plantio
A camomila-alemã é propagada a partir de sementes. A camomila-romana pode ser propagada por sementes ou por divisão de plantas bem desenvolvidas.

As sementes podem ser semeadas no local definitivo ou em sementeiras e módulos, transplantando as mudas quando estas têm de 2,5 a 5 cm de altura. Semeie a uma profundidade máxima de 0,5 cm, ou apenas pressione levemente as sementes no solo. A germinação leva normalmente uma ou duas semanas.

O espaçamento pode ser de 30 a 45 cm entre as plantas. Ambas as espécies também podem ser cultivadas em vasos e jardineiras grandes.

Tratos culturais
Retire plantas invasoras que estejam concorrendo por recursos e nutrientes, principalmente no início do cultivo.

Colheita
A colheita geralmente ocorre 3 ou 4 meses após o plantio. As inflorescências devem ser colhidas assim que abrirem completamente. Flores mais velhas, que estão escurecendo ou estão com as pétalas brancas (lígulas) voltadas para baixo, têm menos sabor e aroma. As inflorescências colhidas devem ser secas para poderem ser armazenas. Colha as flores sem as hastes e deixe-as por vários dias em local seco e bem ventilado, até ficarem completamente secas.