Cerca de 30 detentos tentam fazer motim em presídio do Amapá e são contidos por agentes

Cerca de 30 detentos tentam fazer motim em presídio do Amapá e são contidos por agentes

Ação foi nesta quinta-feira (10), no pavilhão onde ficam os presos provisórios. Não houve feridos, informou o Sindicato dos Agentes Penitenciários do Estado do Amapá (Sinapen).

Leia tudo

Cerca de 30 presos tentaram iniciar um motim nesta quinta-feira (10) no Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen), na Zona Oeste de Macapá. Segundo o Grupo Tático Prisional, após o horário do banho de sol, por volta das 9h, os detentos do pavilhão P1 se recusaram a entrar na cela e tentaram atacar os agentes.

De acordo com a direção do instituto, a ação durou cerca de dez minutos. Para conter os presidiários, os agentes tiveram que fazer disparos de balas de borracha e lançar gás de efeito moral.

No pavilhão P1 ficam os presos provisórios, que aguardam julgamento e decisão judicial. Cerca de 300 homens estão no espaço, informou o Sindicato dos Agentes Penitenciários do Estado do Amapá (Sinapen).

Ainda de acordo com o sindicato, a determinação para o motim partiu de um interno, que ordenou aos demais que não voltassem para as celas. O Sinapen disse que a atuação rápida dos agentes penitenciários impediu a ação e que não houve feridos.