Atacante Jô do Corinthians fala sobre a mudança que o evangelho causou na sua vida.

Atacante Jô do Corinthians fala sobre a mudança que o evangelho causou na sua vida.

Em entrevista ao programa

Leia tudo

Em entrevista ao programa No Ar com Andre Henning no Esporte Interativo, Jô falou como conheceu o evangelho.
Foi através do volante Pierre. Ambos jogavam juntos no Atlético-MG, de 2012 a 2015, quando o volante apresentou a religião para Jô

Apos assistir um vídeo enviado por Pierre ao programa Jô disse:
-Um cara que sempre me ajudou, e que me levou pra igreja, foi ele.

Disse também que relutou no muito:
-Ele sempre me convidou, sempre me convidou...
...eu relutava. Falava, não, deixa Pierre, semana que vem eu vou.

O atacante disse também que mesmo com a vida que ele levava mergulhado no alcoolismo, o amigo falava do amor de Deus, mas nunca o julgou.

Cláudia, ex-passista do Salgueiro, escola de samba do Rio de Janeiro e esposa de Jô, foi muito importante nesse processo.

-Minha esposa é uma das pessoas que eu falo que é abençoada mesmo
porque ela sempre teve do meu lado independente da situação - afirma Jô.

Atualmente Jô está a 3 anos sem ingerir bebidas alcoólicas, e diz que foi totalmente liberto com ajuda de Deus, e não sente saudades de quando bebia. Ele afirma que a boa fase que vive no futebol é consequência da mudança de vida que o evangelho lhe proporcionou

Em depoimento ao Globo esporte a esposa dele disse:

-– Ele se deslumbrou muito com o glamour. Mulherada toda em cima. O ponto fraco dele era a bebida, que o tirou do foco. Também começaram as traições comigo e a falta de rendimento no profissional. Estávamos perto do divórcio. Estava cansada. Foi um casamento cheio de traições e perseguições. Meu marido viveu momentos grandiosos dentro de campo, foi artilheiro da Libertadores, jogou Copa... Mas ele não foi um grande homem, não era pai de família. Hoje, ele voltou a ser o mesmo homem do começo: passivo, calmo, sempre atencioso. Falo todas essas coisas para as mulheres terem força de não abandonar suas famílias.