Aplicativo auxilia gestantes a encontrarem assentos vagos no metrô

Aplicativo auxilia gestantes a encontrarem assentos vagos no metrô

Aplicativo ajuda mulheres grávidas a encontrarem um assento vago no metrô. Ao entrar no vagão, a gestante envia um mensagem solicitando um assento vago, com isso, a plataforma passa a notificar

Leia tudo

Aplicativo ajuda mulheres grávidas a encontrarem um assento vago no
metrô. Ao entrar no vagão, a gestante envia um mensagem solicitando um
assento vago, com isso, a plataforma passa a notificar quem está
ocupando o assento preferencial. Na segunda-feira (11), começou a ser testado um aplicativo que visa auxiliar mulheres gestantes
ao andarem de metrô em Tóquio. Mesmo com os assentos preferenciais,
sabe-se que nem sempre estes lugares acabam sendo ocupados por quem
realmente deveria, e foi pensando nisso, que desenvolveram um aplicativo
para evitar aquele momento em que uma gestante se obriga a solicitar
que a pessoa que faz uso do assento preferencial se levante para que ela
possa usufruir do seu direito de sentar no local reservado para
mulheres grávidas.

Na prática, a gestante ao subir no vagão do metrô, pode enviar ao
aplicativo uma mensagem notificando sobre a necessidade de encontrar um
assento vago. Com isso, a plataforma passa a emitir um alerta ao usuário
que está sentado no assento preferencial, solicitando que ele se
levante para que a gestante possa sentar no local dedicado a ela. Vale
salientar que o aplicativo encontra sozinho a pessoa que está ocupando o
assento preferencial.


Atualmente, o app está sendo testado na linha Ginza do metrô, porém
ainda não tem data agendada para ser lançado, mas a expectativa é de que
a tecnologia seja comercializada também em outros países.


O aplicativo foi criado visando auxiliar as gestantes no Japão, após a
constatação de que a população japonesa está envelhecendo e são baixas
as taxas de natalidade no país.