5 combinações para montar uma salada detox diferente por dia

5 combinações para montar uma salada detox diferente por dia

As opções refrescantes podem entrar na sua rotina para complementar o almoço ou até como uma opção de jantar leve

Leia tudo

1. Rúcula + abacaxi + linhaça + cebola roxa
Benefícios: o combo é rico em antioxidantes, reparando os danos causados pelo consumo de alimentos industrializados e bebidas alcoólicas.

A rúcula apresenta uma grande concentração de fitoquímicos e minerais que atuam na desintoxicação do corpo como um todo. Já a fruta contém uma enzima chamada bromelina, indicada para quem precisa de uma mãozinha extra para digerir gorduras, além de ser um potente diurético.

A linhaça é uma semente rica em fibras que melhoram o trânsito intestinal e conta com ácido alfa-linolêico, que auxilia na redução da inflamação pelo corpo. A cebola roxa, por sua vez, é rica em antioxidantes que combatem os radicais livres.

2. Brócolis + tomate + abacate + azeite de oliva
Benefícios: esse mix é perfeito para quem pretende eliminar todas as toxinas que andam estacionadas tanto no fígado quanto no intestino.

Ricos em antioxidantes, os brócolis combatem todos os radicais livres enquanto o tomate melhora a funcionalidade das células. “O terceiro ingrediente, o abacate, auxilia no controle dos níveis do colesterol e dos triglicerídeos”, diz Renata Roja Paixão, nutricionista da Estima Nutrição, em São Paulo. Para finalizar, o azeite contém, além de vitaminas E, A e K, compostos fenólicos e flavonoides, grandes responsáveis por minimizar os danos causados pelas toxinas.

3. Couve + pepino + limão + mostarda
Benefícios: juntar esses ingredientes no mesmo prato favorece o reequilíbrio do organismo a partir da eliminação de líquidos e o controle do pH sanguíneo.

Conhecida por seu poder detox, a couve esbanja fibras, magnésio e cálcio, que melhoram o funcionamento do intestino. “O pepino, por apresentar uma grande concentração de água, auxilia o rim na eliminação de toxinas e favorece a hidratação do organismo”, diz Renata. O limão, como muita gente já sabe, tem propriedades alcalinizantes, o que resulta em um pH equilibrado. Por fim, a mostarda, fonte de flavonoides, dá uma mãozinha a mais no combate aos radicais livres.

4. Agrião + manga + aspargo + azeite de oliva
Benefícios: o conjunto combina fibras e antioxidantes, melhorando o funcionamento do intestino e limpando o organismo.

“Vindo da família dos verdes escuros, certas substâncias do agrião ativam enzimas no fígado que facilitam o processo de desintoxicação”, esclarece a especialista. Já a manga tem o poder de purificação devido às propriedades antioxidantes e graças ao elevado teor de vitaminas A e C. “Além disso, a fruta atua como um laxante natural, evitando a constipação e livrando o organismo de impurezas”. Não podemos esquecer do aspargo, que contribui com seu efeito diurético, e do azeite, que empresta seu potencial antioxidante à receita.

5. Cebola roxa + tangerina + alho + dente de leão
Benefícios: a fim de fazer uma faxina completa no organismo? A junção desses ingredientes intensifica a ação dos antioxidantes, limpa o sangue, reduz a absorção de gordura e coloca o intestino para funcionar.

Quem combate os radicais livres neste caso é a cebola roxa, já que contém uma grande quantidade de antocianina. A tangerina, por sua vez, varre o sangue de impurezas e ameniza os efeitos do consumo exagerado de gorduras e açúcares graças a uma substância chamada nobiletina. Aí, é a vez do alho, que, com seus fitoquímicos, limita a quantidade de gordura que é estocada no organismo. “E pra fechar o prato com chave de ouro, o dente-de-leão auxilia na limpeza do trato digestivo e ajuda o intestino e o fígado a eliminar as toxinas retidas”, explica Renata.