Acho estranho, diz Wagner sobre autorização do STF para PF ouvir Temer

Acho estranho, diz Wagner sobre autorização do STF para PF ouvir Temer

Quarta, 31 de Maio de 2017 - 12:59 Por Cíntia Kelly | Fotos: Gilberto Junior/BNews Mesmo sem querer dar declaração esmiuçada sobre a autorização dada pelo Supremo Tribunal Federal, para que a

Leia tudo

Quarta, 31 de Maio de 2017 - 12:59
Por Cíntia Kelly | Fotos: Gilberto Junior/BNews



Mesmo sem querer dar declaração esmiuçada sobre a autorização dada pelo Supremo Tribunal Federal, para que a Polícia Federal colha o depoimento do presidente Michel Temer, o ex-governador da Bahia, Jaques Wagner achou a decisão “estranha”. “Prefiro não fazer juízo de valor, mas que acho estranho, acho”, disse em conversa com o BNews.

Segundo o atual secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, talvez é STF tenha se antecipado, já que a Corte pediu para que a gravação feita pelo dono da J&F, Joesley Batista, seja periciada. “O STF mandou periciar a gravação para poder validá-la, ao mesmo tempo manda que o presidente responda [preste depoimento] sem que tenha visto de fato a legalidade da gravação. Como alguém vai responder”, indaga Wagner.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin autorizou, nesta terça-feira (30) a Polícia Federal a tomar o depoimento do presidente Michel Temer.

De acordo com a decisão, Temer deverá depor por escrito e terá 24 horas para responder aos questionamentos dos delegados após receber as perguntas sobre as citações nos depoimentos de delação da JBS.

Posts Relacionados